Tags

,

Um belo dia a gente acorda e percebe que não dá mais pra brincar de princesa… E eu nem preciso ser muito explícita. Simplesmente não moramos em um palácio, não temos uma dezena de aias e há muita vida de “simples súdita” pra ser vivida… Que cá pra nós, pode ser muito mais interessante que a de muita princesa por aí!

Mas vendo a Carol querer ser uma princesa a cada dia, amar colocar uma fantasia, voltei no tempo e me lembrei de como eu gostava também. Me lembro de como adorava colocar uma coroa na cabeça (qualquer coisa servia), um cobertor nas costas (pra fingir que era um manto), um vestido da minha mãe e ficar desfilando com minha melhor amiga (Leila Márcia, não esqueço de você) pela casa.

Sim, Freud deve explicar porque nós meninas brincamos de princesa (e algumas até continuam brincando a vida toda )…

E então, preparei esse kit pra facilitar a brincadeira. Trata-se de uma saia de tutus (que pode ser comprida ou mais curta) e duas atividades: fazer um cetro (ou varinha de condão) e um chapéu de princesa medieval (ou de fadinha).

O kit pode ser comprado na minha lojinha ou pode ser feito por você. Basta seguir as dicas dos sites:

Para fazer a saia de tutus: mi cesta de mimbre

Para fazer o chapéu: firstpalette

O cetro pode ser feito com uma varinha de madeira, estrelas de E.V.A., feltro, glitter…

Anúncios