Estou me divertindo demais com o primeiro dentinho mole da filhota! Ela está completamente envolvida e pensa na vinda da Fada dos Dentes dia e noite. Literalmente. Hoje acordou morrendo de rir porque tinha sonhado que o dente tinha caído… Mas ele ainda estava lá!
Até onde eu saiba a tal fadinha existe pelo menos desde os meus 5 anos de idade (e que ninguém se atreva a querer saber quantos anos vão desde então!). Lembro bem da bagunça que eram os momentos finais antes da queda definitiva e depois a ansiedade pela vinda da fada.
Segundo está lá no Wikipédia: “Há uma tradição em PortugalBrasilCanadá, em parte do Reino Unido e nos Estados Unidos e noutros países europeus, segundo a qual a “Fada do Dente” viria à noite para trocar o “dente de leite“, colocado sob o travesseiro de uma criança, por uma moeda ou um pequeno presente.
Histórias sobre a Fada do Dente circulam desde o início do século XX, embora ninguém saiba sua origem exata. Todavia, trocar “dentes de leite” por presentes é algo que remonta aos vikings, mais de mil anos atrás.”

De qualquer forma é bom estar preparado para as dúvidas que a criança vai trazer. Carol, por exemplo, estava preocupadissima do dente cair na escola e se perder, ou se ela achar e colocar na mochila e cair na rua. Essa questão foi resolvida facilmente com uma mini-caixinha dentro de um envelope fofo que vai todo dia para a escola dentro da mochila.
Também queria saber o que a fada faz com os dentes que pega debaixo dos travesseiros (coleção, claaaaaaaro!).
E se quiser uma história pronta para contar tem lá no www.fadadosdentes.com.br
No site www.ichild.co.uk, além do modelo do envelope (para meninos e meninas) tem também outras atividades bem legais:
Anúncios